Coordenadores do SINDJUF/PB se reúnem com a Diretora Geral do TRE-PB e tratam pautas de interesse dos servidores

O Coordenador Geral do SINDJUF-PB, Cláudio Dantas, juntamente com o Coordenador Jurídico, Perivaldo Rocha Lopes e o Coordenador do Litoral, Brejo e Curimataú, Pedro Lima Neto, mantiveram reunião com a Diretora Geral do TRE-PB, Silma de Albuquerque. A pauta ficou delimitada em assuntos do real interesse dos servidores que trabalham na Justiça Eleitoral Paraibana.

PAUTAS

O retorno ao trabalho presencial esteve presente nas pautas discutidas entre os coordenadores do SINDJUF-PB e a Direção Geral do TRE-PB. O sindicato reforçou a necessidade de manutenção do trabalho remoto para os servidores maiores de 60 anos, assim como os portadores de comorbidades, solicitando também a testagem em massa dos servidores que retornarem ao trabalho presencial;

Em relação ao ‘Normativo de Serviço Extraordinário’, o SINDJUF-PB solicitou à DG do TRE-PB que sejam verificados possíveis aperfeiçoamentos para atendimento às situações de grupos de servidores que prestam serviço ora presencial, ora de modo remoto.

Outra pauta contida na reunião foi a solicitação para que a administração considere como feito o Curso Anual de Atualização dos Agentes de Segurança do TRE-PB, sendo apontados precedentes de outros tribunais. O SINDJUF-PB também defendeu o pleito para que a legislação que regula as substituições em Zonas Eleitorais, eventualmente desfalcadas de seus servidores efetivos, seja seguida com consulta aos interessados.

Por fim, foi pedida reunião específica, com a DG e a Secretaria de Gestão de Pessoas, para tratar dos procedimentos para que seja efetivada a decisão judicial favorável em ação do sindicato, a qual determinou que o TRE-PB disponibilize as quatro vagas de Analista Judiciário para Concurso de Remoção, vagas estas provenientes de extinção de Zonas Eleitorais.

“Avalio que a reunião foi bastante produtiva, destacando que a diretora geral do TRE-PB foi sensível aos pleitos do SINDJUF-PB, demonstrando que deverá utilizar as bases técnicas para a tomada das decisões. Esperamos que a segurança e a preservação da saúde dos servidores sejam sempre levadas em conta”, destacou o Coordenador-Geral do SINDJUF-PB, Cláudio Dantas.









FONTE: SINDJUF-PB