Coordenadores do SINDJUF-PB se reúnem com presidente do TRT13 para tratar de assuntos do real interesse dos servidores

Os diretores do SINDJUF-PB, Marcos Santos e Evilásio Dantas, se reuniram na tarde desta quarta-feira (08), com o presidente do TRT13, desembargador Wolney de Macedo Cordeiro. Na pauta, foram debatidos temas do real interesse dos trabalhadores da Justiça do Trabalho na Paraíba.

De acordo com Marcos Santos, coordenador-Geral do SINDJUF-PB, a reunião foi muito produtiva e versou principalmente sobre a questão dos quintos incorporados que, hoje, por orientação do TCU, não estão sendo reconhecidos nos processos de aposentadoria. O presidente foi sensível ao nosso apelo, mas foi taxativo ao afirmar que faz valer decisão do STF e resolução do TCU.

Para o Coordenador-Geral do SINDJUF-PB, a categoria aguarda com expectativa o julgamento dos Embargos de Declaração no STF e que deve ser pautado ainda este mês.

“Não acredito que o Supremo decida modificar direito constitucional de ato jurídico perfeito e coisa julgada”, finalizou Marcos Santos.

O Coordenador de Finanças e Patrimônio do SINDJUF-PB, Evilásio Dantas, quer unir forças com outras entidades sindicais em busca de solução para o problema dos quintos.

“Como Sindicato e Fenajufe, iremos atuar diretamente no STF e no TCU para conseguirmos acabar com essa situação. Teremos reunião na Fenajufe nesta quinta e sexta-feira para unirmos forças com outros sindicatos em nível nacional. Vale salientar que queremos todo retroativo dos trabalhadores”, destacou Evilásio Dantas.

Para Perivaldo Rocha, Coordenador Jurídico do SINDJUF-PB, a entidade deve trabalhar individualmente nos processos.

“O corpo jurídico do SINDJUF-PB trabalhará individualmente nos processos dos servidores no sentido de devolver a Administração e na manutenção da percepção dos quintos pelos aposentados, até decisão final do STF”, destacou Perivaldo Rocha.









FONTE: SINDJUF/PB